Impeachment: O Pato Pagou o Pato…

 

Que o PT ia barbarizar o país assim que Dilma fosse afastada, isso todos nós já sabíamos. Que não iam ser manifestaçōes pacíficas pois isso não está no DNA dos vândalos da estrela vermelha, isso também já sabíamos… Mas dessa vez eles foram longe demais!

PEm um mar de vermelho, sindicalistas e membros de movimentos sociais foram buscar seus sanduíches de ‘mortandela’ e seus ‘dez real’ em frente ao MASP. Uma vez alimentados e devidamente remunerados, foram em direção ao prédio da FIESP, onde tradicionalmente se reúnem os manifestantes pró impeachment. A polícia fez um cordão de isolamento para impedir o encontro dos dois grupos e qualquer tipo de confusão, e os assassinos petistas voltaram-se para a vítima mais indefesa: o pato.

Sim, o pato da FIESP, que nos acompanhou em tantas alegres manifestaçōes de famílias em domingos ensolarados, que visitou várias cidades do Brasil e sempre nos trazia um sorriso, que tinha seu ‘lar’ na avenida paulista, em frente ao prédio da FIESP… o pato faleceu. Impiedosos, enquanto Temer fazia seu pronunciamento pregando união e respeito, os assassinos furaram e colocaram fogo no pobre personagem descontando nele seu ódio de ver o projeto de poder comunista frustrado pelo exercício da democracia.

Alguém tem de pagar por isso. Esses vândalos tem de ser detidos. Se fizeram isso com o pato, imagine o que podem fazer conosco?

error: Conteúdo Protegido!