Dilma Roussef: O Canto do Cisne

57c56ecdba04d16d819eaca9a1e95de16e65d71b65efb

Em algumas horas, o mais provável é que Dilma Vana Roussef, após ser a primeira mulher presidente do Brasil, também será a primeira mulher removida da presidência do Brasil.

E é uma pena.

Não nos entendam mal. Não e uma pena porque ela não fez nada. Bem pelo contrário. Dilma fez muita coisa errada. Até demais. Pior que isso: recusa-se, em sua característica arrogância, a fazer qualquer mea culpa sobre isso tudo.

Dilma é arrogante. Orgulhosa. Seca.

Nenhuma dessas características agrada o brasileiro.

Dilma tem zero carisma.

“Ah mas por que foi eleita?”

Dilma foi eleita por causa de Lula. Não há a mínima dúvida quanto a isso. Em sua primeira eleição, tinha o apoio do ‘padrinho’ escancarado. Lula estava em todos os palanques, em todos os anúncios de publicidade, se bobear em todos os bastidores de debates. Lula fez Dilma. E Dilma se desfez ao se afastar de Lula.

A situação econômica é PÉSSIMA. As decisões, pedaladas, favorecimentos de Dilma tem tudo a ver com isso. Mas se Dilma fosse Lula dificilmente teria passado por um impeachment. Sua arrogância, secura e pretensa independência do partido e das bases contribuiu – em muito – para essa remoção.

Sua personalidade não serve para a política.

Ontem, assistindo Janaina Pascoal fazer seu último pronunciamento no caso, ficou claro tudo isso – e ficou claro ainda mais: Janaina, como nós, sente por Dilma. E é triste. É triste ver removida do poder a primeira mulher presidente do país (PresidentE, tá Dilma? Esse foi um dos pontos que ressaltaram sua arrogância). É triste ver a dor que isso quase que com certeza está causando nessa mulher e nas pessoas que a querem bem.

Mas tem que ser feito. O país não pode mais sustentar o PT no poder. O país não pode mais conviver com a corrupção e com negociatas como se fossem coisas do dia a dia. Acostumamos com isso. Nem nos escandalizamos mais ao ver milhões desviados ou roubados, ao ouvir a notícia de que um ou outro lavava dinheiro, ou tinha contas em bancos no exterior, em paraísos fiscais.

O momento em que perdemos a capacidade de nos horrorizar com isso foi o momento em que começamos a nos corromper como país.

Que a remoção de Dilma seja o começo de uma nova fase. Que voltemos a nos horrorizar, a criticar, a reclamar, a processar e a cobrar providências que acabem com a corrupção. Que continuemos a apoiar a Lava Jato e todas as operações semelhantes e que, se necessário, removamos sim outros DILMA FOI PARA A CUBA QUE PARIU!!! 1prefeitos, governadores, senadores, deputados e até presidentes. “Todo poder emana do povo e em seu nome será exercido”. Não venham roubar no meu nome, EU NÃO APROVO.

E não nos esqueçamos que. no fundo, esses nove meses apesar de importantíssimos politicamente falando, ontem resumiram-se em alguns minutos: Um embate entre duas mulheres fortes. Sem considerações a quem está certa ou errada, Janaina e Dilma tem semelhanças. Ambas determinadas, ambas guerreiras, ambas acreditando profundamente no que estão fazendo. Em uma outra ocasião poderiam, quem sabe, ter sido amigas.

Concordamos com você Janaina: é uma pena.

Sai de cena a presidente Dilma. Entra em cena o ser humano Dilma Vana Roussef. Que ela seja julgada pelo que de mal fez. E valorizada pelo que de bem fez. Pois sem aquela faixa e a estrela do PT no peito ela é, como todos nós, um ser humano.

Não nos esqueçamos disso.

error: Conteúdo Protegido!