Aragão Reassume Ministério da Justiça

Infelizmente é verdade. O juiz Cândido Ribeiro, do Tribunal Regional Federal da 1a Região, cassou a liminar emitida pela juíza Luciana Raquel Tolentino que afastava Aragão do Ministério da Justiça. Cândido Ribeiro alega que a decisão da juiza “deixa sem comando, do dia para a noite, um ministério que tem como responsabilidade direta a segurança pública, as garantias constitucionais, a administração penitenciária, entre outros assuntos de extrema relevância” (e possibilita que ele atrapalhe o Moro, como mandou o chefe Lula).

Assim sendo, Aragão reassume o Ministério da Justiça e volta a dar dor de cabeça e fazer ameaças à equipe da Lava Jato.

Mas ainda há esperanças. Se na primeira instância a Estrela Vermelha saiu vencedora, ainda existe uma requisiçào do PPS ao STF para o afastamento de Aragão. Esse caso está nas mãos da ministra Carmem Lucia, reconhecidamente incorruptível e forte candidata a ser a próxima presidente do STF. Infelizmente não há ainda prazo para Carmem Lucia tomar sua decisão, embora já tenha pedido mais informações e esclarecimentos sobre o caso.

Força ministra, contamos com você!

error: Conteúdo Protegido!